Conheça uma professora superheroína Paquistanesa fodona – Burka Avenger

Salve, salve, seres humanos da terra.

Hoje, vadiando violentamente na internet, eu esbarrei com algo muito sensanionalmente maravilhoso, Burka Avenger.

burka aavenger

Burka Avenger é uma série animada desenvolvida pelo cantor inglês-paquistanês, Aaron Haroon Rashid, para abordar a questão da educação no Paquistão.

Lá, no Paquistão, o Talibã impede que as meninas possam estudar, para que elas continuem subservientes. Nesse contexto surge Jiya, a nossa super heroína.

burka avenger super heroina paquistanesa arabe mussulmana

Jiya é uma orfã da cidade fictícia de Halwapur, adotada por um casal gentil que a ensina uma arte marcial chamada Takht Kabaddi. Agora adulta ela é uma professora que enfrenta o Talibã como Burka Avenger, uma super heroína que luta arremessando livros, canetas e outras coisas relacionadas à educação.

É claro que é um desenho beeeem infantil e não vai agradar velhacos que querem ver mais porrada e coisas explodindo, mas é bem  bacana, especialmente por tratar de uma situação real de opressão de ocorre no Paquistão.

No primeiro episódio isso fica bem claro, o vilão tenta fechar uma escola para meninas. Saca só:

 




É meio bobo por ser infantil, mas não chega a incomodar. O que eu não curti mesmo é que o cantor que criou a série a usa para se promover. Isso é bem safado.

É isso galera. Diga o que achou aí nos comentários.
Até mais. Um abraço.
E tchal

via Pop Culture




Vulto

Desprezível.